As imagens dinâmicas são navegáveis: clique com o mouse e arraste para alterar a direção e velocidade de rotação ou parar. Se preferir, clique nos botões do menu em cada imagem para outras funções, conforme a legenda abaixo:
Tela cheia Para baixo
Informações Para cima
Rotacionar Para a direita
Aproximar Para a esquerda
Afastar  
musica
Compartilhar





O Museu do Futebol nos ajuda a compreender um pouco porquê um esporte inglês, branco e de elite aos poucos foi conquistando o brasileiro, ganhando traços populares, mestiços, tendo destaque importante de nossa cultura. Uma verdadeira paixão nacional.

Instalado em uma área de 6.900m² no avesso das arquibancadas de um dos mais tradicionais e bonitos estádios do país - o Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho - mais conhecido como Estádio do Pacaembu, foi uma iniciativa do Governo do Estado e da Prefeitura de São Paulo, com concepção e realização da Fundação Roberto Marinho e integrado à rede estadual de museus.

Visitá-lo é observar um pouco da história brasileira no século XX, perceber usos, costumes e comportamentos, inseparáveis da trajetória desse esporte. O futebol é parte integrante da identidade nacional e vice-versa, pois nossa cultura ajudou um pouco a transformá-lo também. Nossos craques foram (e são) tão importantes quanto os ícones das artes plásticas, da literatura, do teatro, da música, etc. Para o brasileiro, o futebol é como uma cultura viva, criativa e emocionante, um patrimônio a ser preservado.

O Estádio do Pacaembu, tendo sido palco de diversas comemorações de títulos e fatos históricos - como o gol “de bicicleta” de Leônidas da Silva, tornou-se ideal para sediar o Museu do Futebol. Entre colunas e fundações, nas partes internas da arquibancada do estádio, discorre de forma contagiante a epopéia do país que se uniu em torno de uma bola.

A concepção inicial do Museu do Futebol reuniu de forma integrada as três dimensões que constituem um museu: arquitetura, museografia e conteúdo. Interligados, cada conceito teve um papel fundamental no projeto.

Por se tratar de um prédio tombado, todas as intervenções necessárias à sua realização foram discutidas e aprovadas pelas equipes dos órgãos de patrimônio municipal e estadual (COMPRESP e CONDEPHAAT). O resultado foi uma obra belíssima, que respeitou e valorizou a construção original do estádio. As instalações são feitas de materiais brutos como ferro, metais, aços, madeiras - como os que sustentam a estrutura de um edifício em construção e depois são descartados. No Museu, contudo, elas dão sentido ao conteúdo das salas e existem para fixar as realidades vividas durante o século do futebol no Brasil.

O acervo do Museu do Futebol tem como principal característica a imaterialidade, ou seja, baseia-se em memórias, acontecimentos e representações do futebol em diferentes dimensões: seus jogadores, clubes e agremiações, torcedores, regras e fatos relacionados à cultura e sociedade brasileiras no século XX.
Não existem registros cadastrados.
Endereço Praça Charles Miller - Estádio do Pacaembu
Telefone (11) 3664-3848
Horário de atendimento De 3ª a domingo, das 9h às 18h
Entrada Crianças até 7 anos, professores da rede pública com a apresentação de holerite + RG e estudantes de escolas públicas municipais e estaduais mediante ofício em papel timbrado, não pagam. Visitação gratuita às quintas-feiras, mediante a retirada de ingresso na bilheteria
Serviços O Museu do Futebol está equipado com elevadores, sanitários e oferece cadeiras de rodas aos visitantes com necessidades especiais. Aceita dinheiro ou cartão VISA débito/crédito. Não aceita cheque
Estacionamento Zona Azul, em frente ao estádio do Pacaembu (Praça Charles Miller)
Website http://www.museudofutebol.org.br
Você pode navegar por todas as regiões da cidade, basta clicar sobre o mapa e arrastar para os lados ou utilizar a ferramenta no canto superior esquerdo (as setas direcionais). Logo abaixo, há uma ferramenta de aproximação (tecla +) e de afastamento (tecla -).

No canto superior direito, é possível escolher a visualização do mapa. Em "SAT", você transforma a imagem em fotográfica; em "TER", o mapa mostra a rua com terreno; em "EARTH", você interage com o GoogleEarth (é necessário ter o plugin ou programa instalado).

Você ainda pode traçar uma rota de chegada até este local. Na caixa de diálogo do mapa, basta clicar em "Rota". Uma nova página se abrirá, então digite o seu endereço completo e clique em "OK". (No seu endereço, digite somente o nome completo da rua, número - sem complemento, nome da cidade e UF, conforme o exemplo: "rua exemplo, 123 - são paulo - sp"). O posicionamento constante no mapa pode ser apenas aproximado, e as informações disponíveis são de responsabilidade do Google.